Saltar os Menus

Notícias

8 de Julho de 2019

Assento de batismo de Soror Maria Perpétua da Luz

O Arquivo Distrital de Beja destaca o assento de Maria Perpétua da Luz que ocorreu na Paróquia de Santa Maria em Beja a 24 de julho de 1684.

Soror Maria Perpétua da Luz nasceu na cidade de Beja a 24 de Julho de 1684, sendo filha de Manuel da Costa Dinis e de Leonor de Jesus.

Aos 20 anos de idade recebeu o hábito das carmelitas calçadas no Convento de Nossa Senhora da Esperança em Beja, a 22 de outubro de 1704.

Rapidamente a sua fama de santidade e de vida mística percorreu o país pois “vaticinou sucessos futuros, serenou consciências escrupulosas, e curou enfermidades rebeldes que lhe canonizaram o nome em vida, e muito mais depois da morte sucedida a 26 de agosto de 1736”.

Por ordem dos seus confessores, os mestres Fr. João de Sousa e Fr. José de Aguiar, escreveu a sua vida em sessenta cadernos encadernados em dois volumes que se guardam bo Arquivo Real do Convento do Carmo de Lisboa.

Cota: PT-ADBJA-PRQ-BJA11-001-009

Esta notícia foi publicada em 8 de Julho de 2019 e foi arquivada em: Documento em destaque, Geral.
Arquivo Distrital de Beja